Telefone :
62 98132-4359
Endereço :
Av. T10, n.208, St. Bueno, Goiânia-GO, 74223-060, Ed. New Times Square Urban Office, Sala 2206.
Segue a Canndu:
Instagram
 

Social Media: tudo o que você precisa saber

hands-holding-smartphone-social-media-concept

Você sabe o que um profissional Social Media realmente faz?

 

Alguns números ajudam a chegar nessa resposta. Entre eles está o total de pessoas que possuem, pelo menos, um perfil ativo em alguma rede social: já são mais de 4,6 bilhões, segundo o relatório Digital 2022, Global Overview, publicado em parceria entre We Are Social e Hootsuit. O número representa 58,4% da população mundial. 

 

À medida que esse número cresce, mais empresas têm aproveitado o cenário para encontrar novas oportunidades no mundo dos negócios. Muitas organizações estão adicionando o trabalho com redes sociais à sua estratégia de Marketing e, com isso, empregando profissionais para trabalhar com conteúdo nessas redes.

 

O que é Social Media?

 

Social Media é o nome usado para descrever qualquer profissional de Marketing, responsável por criar estratégias e conteúdos para perfis nas redes sociais. Na prática, o social media pode cumprir muitos papéis diferentes em uma empresa, desde os mais operacionais até os mais estratégicos. As constantes mudanças no mundo digital acabam exigindo essa flexibilidade, já que muitas vezes exigem uma adaptação rápida para que os perfis continuem atualizados e relevantes. 

 

Cada marca pode ter diferentes objetivos a serem alcançados nas redes sociais, um deles é garantir um fluxo constante de clientes. Para isso, todas precisam criar e executar uma estratégia de marketing que envolve o foco no seu público-alvo. 

 

Nessa rotina de gestão das redes sociais de uma marca, ser eficiente em meio a tantos processos é realmente desafiador. A busca por ferramentas e recursos sobre as melhores estratégias é indispensável. É isso o que vamos conhecer a partir de agora!

 

O que faz um Social Media? Como é a rotina de trabalho?

 

Já parou para pensar que poucos anos atrás essa profissão nem sequer existia? Isto já é um indício de que as atividades atribuídas a um Social Media estão em constante mudança e devem permanecer assim. Afinal, todos os dias surgem atualizações, novas redes e, com isso, oportunidades inesperadas.

Por exemplo, antes um profissional dessa área não precisava criar conteúdos em vídeo para chamar a atenção do público, principalmente aqueles curtos, relacionados à trends do momento. Hoje em dia, a história é bem diferente: já sabemos que é praticamente impossível atingir um alto número de pessoas nas redes sem explorar esse formato.

Antes de aprender como se tornar um Social Media, é importante ter uma compreensão clara do que esse trabalho demanda no dia a dia. Por isso, separamos aqui as 7 atividades principais que um profissional da área executa na sua rotina para você conhecer agora.

  • Planejamento de conteúdos 

 

O primeiro passo é ter claras as etapas que fazem parte do processo e a relevância de cada uma delas. Também é importante levantar quais outros profissionais estão envolvidos em cada uma das atividades. 

 

Essa organização varia conforme a equipe e a estrutura de trabalho disponível. O ideal é que todo o time atue em conjunto nas ações para que elas estejam inseridas na estratégia da área. 

Anualmente, é fundamental reunir o time de Marketing para discutir e planejar a estratégia que seguirá e qual será o posicionamento digital. Isso leva em consideração também o planejamento estratégico do negócio, é claro.

Também devem ser considerados os aprendizados do ano anterior: onde acertamos, o que não funcionou como esperávamos e ideias que a comunidade trouxe. É nesse momento que deve revisitar alguns itens que fazem parte do planejamento:

Canais

A discussão precisa girar em torno dos canais que utiliza atualmente e da resposta do público a cada um deles. Social Media tem que apresentar, com base em dados, o resultado de suas análises ao longo do ano, mostrando onde devemos direcionar os nossos esforços, já que não conseguimos abranger com eficiência todos eles.

Categorias/Editorias

Com base na análise de dados, é também neste momento que são avaliadas se as categorias / editoriais que são trabalhadas em cada canal estão entregando os resultados esperados.

Frequência

Analistas de redes sociais também apresentam dados que apontam se a frequência que estamos trabalhando diariamente em cada uma das editorias é satisfatória ou precisa ser repensada.

Vale ressaltar que a frequência de publicações em uma rede social pode ser decisiva para os resultados nela. Não negligencie isso!

Calendário de datas comemorativas

Na reunião anual, também são avaliadas as datas comemorativas que trabalhamos no ano anterior e o resultado das ações de cada uma delas. Com isso, são apontadas quais ficam, entram ou saem. E, logo de imediato, o time de social media importa todas essas datas para o calendário de conteúdo.

  • Criação de Conteúdo

O processo de criação de conteúdo pode ser realizado mensalmente, por dois motivos em destaque:

  • O social media consegue dividir as atividades de ideação e produção em meses distintos, o que deixa a rotina menos “pesada”;
  • Dá para trabalhar com conteúdo rotineiro de forma antecipada, garantindo sempre ter 15 dias de posts já agendados, o que evita a falta de publicações.

Vale lembrar que, na nossa área de atuação — como você bem sabe — todo dia surge uma novidade. Por isso, apesar de trabalhar de forma antecipada, entenda que é importante que a rotina de trabalho do social media permita a flexibilidade para criação de novos posts e de remanejar os já agendados.

  • Agendamento de posts 

Esta é a primeira dica para que você consiga ter uma rotina de gestão das suas atividades mais tranquila e eficiente: manter suas publicações pré-agendadas. Use um recurso de agendamento de posts, que acompanha o processo de criação mensal que explicamos anteriormente.

Isso garante atender a frequência de publicações definida e, também, que o planejamento seja colocado em prática independentemente do que aconteça. Também gera um ganho de tempo para a social media, que consegue organizar e gerir a publicação de todos os canais em um só lugar!

Além disso, após agendados, você consegue visualizar diretamente o calendário em um só lugar. Com isso, consegue dedicar seu tempo de forma cada vez mais estratégica.

  • Criação de artes

 

Agora, se a sua realidade é parecida com a maioria do mercado, sendo você, social media, também o responsável por criar as artes que acompanham as publicações, vale entender melhor um bom processo interno.

mLabs Studio

É o estúdio de criação da mLabs, que você encontra dentro da plataforma. Com ele, você otimiza o tempo de criação e agendamento, já que, após a primeira etapa, o seu post é conduzido automaticamente para a segunda!

Por lá, nossa social media conta com a ajuda de recursos como templates, banco de imagem gratuito e formatos adequados para cada rede social — incluindo, é claro, os recomendados para postar pela mLabs.

Canva

Em alguns casos, nossa analista de redes sociais prefere utilizar o Canva, ferramenta de criação já bem conhecida e utilizada. O melhor de tudo é que ela consegue utilizá-la também de dentro da ferramenta, poupando tempo de execução.

Ah! Isso vale tanto para a versão free quanto para a Pro.

5. Monitoramento

Estar por dentro do que está rolando na área, nos concorrentes e quais as notícias do momento. Esse é o trabalho de monitoramento, tão importante para criar conteúdos relevantes para sua audiência.

Analisar o que o público tem falado sobre você vai além das mensagens que você recebe ou do que é dito em sua comunidade, e isso tem muito valor para a marca.

É nessa análise que você aprende onde está acertando e, claro, também errando. É com essa atividade, também, que você consegue identificar oportunidades e ter insights para suas publicações.

6. Relacionamento com a comunidade

As redes sociais são redes de socialização. Logo, são canais de troca. Por isso, é esperado que você não deixe sua audiência ou as boas citações que recebe fora do seu campo de visão, ou seja, sem resposta por muito tempo.

Interações nas redes sociais proprietárias

Diariamente, é função da Social Media acompanhar tudo o que é comentado nas redes sociais da empresa, inclusive no Google Meu Negócio. Algumas redes sociais, como o LinkedIn, recebem essas interações manualmente, por restrições da própria ferramenta.

Mas sabemos que só é possível fazer este acompanhamento completo pelas facilidades que conquistamos com as etapas do processo que podem ser planejadas, automatizadas (agendamento de publicações) ou centralizadas.

7. Análise de resultados

Quer saber como destacar o seu trabalho como social media? Você apenas conseguirá bons resultados se for um profissional estratégico. E, como a gente sabe, estratégia sem análise de dados é, na verdade, achismo!

Pode ser que você já tenha feito e tenha dado certo? Claro! A sorte está aí para isso. Mas não dá para contar só com ela. Por isso, se você almeja crescer na carreira de social media, precisa dar mais atenção aos dados.

Alguns exemplos de análises que você pode fazer:

  • formatos que mais engajam;
  • dias e horários que mais engajam;
  • categorias que mais engajam;
  • tipos de CTA que mais geram ações;
  • comparativos mensais;
  • comparativos anuais;
  • performance mensal— você pode adequar a periodicidade conforme o seu planejamento.

Contudo, a única forma de você realizar essas análises continuamente, é por meio dos relatórios. Nesse sentido, alguns pontos são importantes:

  • Ter relatórios já preestabelecidos pode ajudar com as análises e respostas em um espaço de tempo reduzido;
  • Definir quais são as métricas e quais os indicadores te ajudará a focar no que é importante.

Você pode criar esses relatórios de várias formas, incluindo planilhas.

Ferramentas e softwares utilizados por um Social Media

As ferramentas de marketing para realizar o trabalho com redes sociais nada mais são do que ferramentas e softwares que ajudam as empresas a aproveitar todo o poder das plataformas como Instagram e Twitter, seja para lançar campanhas que atraem clientes ou analisar seus resultados.

A maioria dessas ferramentas, usadas no dia a dia por um social media, estão focadas em facilitar a rotina. Agora listamos quais os principais tipos que deve encontrar e usar ao assumir esse cargo.

Produção de conteúdo e Design

A criação de conteúdo para redes sociais pode ser bem diferente dependendo da quantidade de pessoas que trabalham na área de Marketing ou dos objetivos de cada empresa, mas geralmente você precisará de alguma noção de design e uma boa compreensão das habilidades de escrita para realizar essas tarefas.

O ideal é contar com as ferramentas da Adobe, como o Photoshop e o Illustrator, que permitem criar conteúdos do zero e com alta qualidade.

Publicações e agendamentos

As melhores plataformas de gerenciamento de mídia social permitem que você assuma o controle de sua presença nas mídias sociais em um único lugar, agendando as publicações para evitar trabalhos manuais.

Dessa forma, cada empresa pode antecipar as publicações, seguindo o fluxo de Planejar → Criar o conteúdo → Agendar a publicação para as redes sociais definidas, no dia e horário ideal.

Cenário do mercado de atuação do Social Media

Agora que já sabe o que faz um Social Media, é fundamental entender que o cenário digital torna esse profissional essencial para qualquer empresa hoje em dia, seja atuando internamente ou como prestador de serviços.

As oportunidades de nível inicial podem incluir empregos fixos, vagas de freelancer ou até mesmo voluntariado em ONGs, por exemplo. Explore diferentes opções para ver o que se adapta às suas necessidades.

Para cada uma dessas vagas, as características e expectativas são diferentes:

  • Empregos de nível básico: um cargo de nível básico geralmente requer menos experiência e pode fornecer a oportunidade de aprender sobre Marketing Digital como um todo, junto de outros profissionais;
  • Freelancer: considere trabalhar dessa forma para construir sua experiência cmo diferentes clientes. Você pode construir um portfólio em um site e começar a se divulgar;
  • Voluntário: as oportunidades de voluntariado podem ter requisitos menos rigorosos. Procure oportunidades locais ou remotas em sites de busca ou nas redes sociais dessas organizações.

Se já está em sua busca de emprego fixa na área, fique de olho em títulos de nível básico para começar, como:

  • Estagiário de marketing ou estagiário de redes sociais;
  • Coordenador de mídias sociais;
  • Especialista em Social Media;
  • Analista de redes sociais.

Fonte: Resultados digitais 25

Abrir bate-papo
1
Escanear o código
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?